Área do aluno

Mídia / Jornal Fera

O que fazer quando você está sobrecarregado no trabalho

07/02/2017

Ficar sobrecarregado no trabalho e sentir que você está ficando para trás não é uma situação difícil de encontrar, mas não se preocupe. É possível voltar ao normal. Se você está se afundando em projetos incompletos e relatórios para redigir, aqui vão 3 formas para sair desse sufoco.

1. Use 20 minutos pela manhã para revisar e planejar
O real segredo para a produtividade é o planejamento. Trabalhar pode ser menos estressante, e mais produtivo se você tirar o tempo necessário para entender o que você está fazendo. Com um prazo de entrega apertado, essa pode parecer uma ideia absurda, mas a verdade é que ela maximiza o seu tempo.
Vinte minutos no começo da manhã já é o suficiente. Se possível, planeje como você vai dar conta de tudo olhando para a semana inteira, e depois analise cada dia separadamente. Assim você não é surpreendido por reuniões ou outros prazos. Você pode usar aplicativos como o próprio calendário do seu celular para ajudar na organização.

2. Diga não para mais trabalho
Você precisa desenvolver o hábito de dizer “Já estou com coisas demais para fazer”. Diga não para projetos menores, e converse com o seu chefe honestamente sobre a sua carga de trabalho quando ele propor mais ideias. Fale sobre as prioridades da empresa e deixe claro o que pode ser feito pensando de forma razoável.

3. Pare de procrastinar
Cientistas descobriram que a procrastinação tem menos a ver com tempo do que com emoção. Procrastinadores crônicos normalmente escolhem não começar a fazer algo porque isso oferece um alívio momentâneo, mas o nível de culpa por não estar realizando a tarefa acaba deixando a pessoa tão mal quanto antes.
Para parar esse hábito, prazos estabelecidos por outras pessoas costumam ser suficientes, mas também é uma boa ideia estabelecer prazos mais curtos para si mesmo. A ideia é dividir a grande tarefa em tarefas menores, de forma que o projeto se realize até o prazo final, mas seja feito em partes. Assim você evita o desespero de fazer tudo correndo e de última hora.
Se você precisa escrever um relatório em uma semana, por exemplo, defina que você tem 2 dias para reunir as informações necessárias, 2 dias para transforma-las num texto, e mais 1 dia para revisão.


Fonte: Universia Brasil