Área do aluno

Mídia / Jornal Fera

Brasileiro está entre melhores jovens inovadores do mundo em lista do MIT

29/11/2016

Cada vez mais jovens empreendedores se destacam no mercado por terem uma habilidade em especial que faz toda a diferença: inovação. E o brasileiro Ronaldo Tenório é uma prova disso. O jovem está na lista do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) dos 35 melhores inventores com menos de 35 anos no mundo.

Tenório, que tem 30 anos, criou, em 2012, um aplicativo chamado Hand Talk que traduz mensagens em português para libras, a linguagem dos sinais. O que, basicamente, permite com que pessoas surdas tenham um intérprete à mão sempre que precisarem.
Segundo informações da BBC o jovem, nascido em
Alagoas, teve a ideia em 2008, ainda na faculdade, quando recebeu a tarefa de criar alfo inovador. Para ele, que sempre pensou em criar algo para ajudar pessoas com alguma dificuldade, o pedido não poderia ser melhor. Após pesquisar, Ronaldo percebeu que o que separava surdos e ouvintes era algo básico: idiomas diferentes.

Criado em conjunto com dois sócios, Carlos Wanderlan e Thadeu Luz, o aplicativo já foi baixado por um milhão de pessoas e a ideia é ampliar ainda mais esse número – só no Brasil, existem ao menos 10 milhões de pessoas com problemas de audição.

COMO FUNCIONA
Ao ser aberto, o Hand Talk exibe um avatar, o Hugo, que traz uma frase junto a si: falar para traduzir. A partir daí, quem quiser se comunicar com um deficiente auditivo, só precisa falar. O Hugo, então, traduz o que acabou de ouvir em libras e traduz da libras para mensagens de texto ou de voz.

Fonte: Universia Brasil