Área do aluno

Mídia / Jornal Fera

Tudo que você precisa saber sobre os testes de proficiência

08/12/2016

Os chamados “exames de proficiência do idioma” são importantes para quem pretende obter um certificado comprovando o nível de um idioma não nativo. Se você deseja ingressar em cursos de graduação no exterior ou concorrer a bolsas de intercâmbio do programa Ciência sem Fronteiras os testes mais comuns são TOEFL, Cambridge, IELTs, DELE. KDS, CELI. E, para te ajudar a esclarecer melhor cada um deles o UA trouxe a lista com os principais testes de proficiência pedidos.

INGLÊS

CAMBRIDGE

Muito prestigiado na Europa, o exame é realizado pela Universidade de Cambridge, Inglaterra. São diversos testes de proficiência emitidos pela Universidade de Cambridge para diversas finalidades e níveis do idioma. A série completa de exames é:

KET (Key English Test) – Cambridge Level One

PET (Preliminary English Test) – Cambridge Level Two

FCE (First Certificate in English) – Cambridge Level Three

CAE (Certificate in Advanced English) – Cambridge Level Four

CPE (Certificate of Proficiency in English) – Cambridge Level Five

Os mais conhecidos são: FCE: É um exame de nível linguístico que atesta a fluência em língua inglesa em nível intermediário em situações reais de comunicação. CAE: É um exame de alto nível linguístico que atesta a fluência em língua inglesa em nível avançado em situações reais de comunicação. CPE: É o exame de maior nível linguístico que atesta a fluência em língua inglesa em nível altamente avançado em situações reais de comunicação. Embora o Cambridge ESOL também sirva para comprovar proficiência em inglês de candidatos a cursos superiores no Reino Unido, seu objetivo é mais genérico, procurado muito na Europa por aqueles que querem demonstrar proficiência em inglês voltada ao mercado de trabalho. Validade: indefinido.

Mais informações: www.cambridgeesol.org/exams



ESOL – English for Speakers of Other Languages

Certificado da City & Guilds Pitman Qualifications, órgão internacional que oferece exames para comprovação de proficiência em inglês. São reconhecidos por universidades e instituições educacionais de diversos países. Disponíveis em até seis níveis, têm validade permanente. As provas escritas são independentes das orais e correspondem aos mesmos seis níveis.

Mais informações: www.cityandguilds.com



GMAT – Graduate Management Admission Test

Necessário para quem quer fazer MBA nos Estados Unidos. Mede qualificação nas áreas de matemática, redação analítica e verbal. Realizado pela mesma instituição que regulamenta o Tefl. Pode ser aplicado por computador.

Mais informações: www.gmat.org e www.alumni.org.br



IELTS – International English Language Testing System

Reconhecido por universidades na Grã-Bretanha, Austrália e Nova Zelândia, o exame também conquista prestígio no Canadá e Estados Unidos. Foi desenvolvido pela Universidade de Cambridge e é gerenciado pelo Conselho Britânico e pelo IDP Education Austrália. Comprova a proficiência em inglês para fins acadêmicos. Inclui redação, interpretação de texto, compreensão auditiva e expressão oral.

Mais informações: www.britishcouncil.org/brazil e www.ielts.org



MICHIGAN – ECPE – Examination for the Certificate of Proficiency in English

Para quem necessita provar conhecimentos de inglês, por motivos profissionais. É realizado em duas partes: a primeira é um teste eliminatório, com 35 questões de múltipla escolha sobre gramática, vocabulário, compreensão de texto e oral. Nesta etapa já é feita a avaliação oral do candidato. A segunda etapa é a prova final, com questões de gramática, interpretação de texto, compreensão oral, vocabulário e redação. Há, também, o ECCE –Examination for the Certificate of Competency in English, para o nível intermediário.

Mais informações:

http://www.thomas.org.br/new_ctj/centrodetestes/_centeste_index.php?&menu=#6



TOEFL – Test of English as a Foreign Language

Exigido para ingresso em mais de 4,4 mil escolas, instituições e universidades em todo o mundo, principalmente nos Estados Unidos. Também e usado por instituições em outros países em que o inglês é o idioma acadêmico. Mede a capacidade de leitura, compreensão auditiva, redação e domínio da gramática da língua inglesa. Pode ser feito por computador ou em prova impressa.

Mais informações: http://www.ets.org/toefl/



ESPANHOL

DELE – Diploma de Español como Lengua Extranjera

Os Diplomas de Español como Lengua Extranjera (DELE) são títulos oficiais que comprovam o grau de competência e domínio do idioma espanhol, outorgados pelo Instituto Cervantes, em nome do Ministério de Educação, Cultura e Esporte da Espanha. Os DELE’s são reconhecidos em diversas universidades e empresas no mundo, com validade indefinida, certificando a qualidade e o nível do conhecimento adquirido em espanhol para fins profissionais e/ou culturais.

Mais informações: www.diplomas.cervantes.es/index.jsp



ALEMÃO

KDS – Kleines Deutsches Sprachdiplom

Aceito pelas universidades da Alemanha e em países de língua alemã para ingresso em cursos superiores e pedidos de bolsas de estudo. É aceito também por empresas, como comprovante de sólidos conhecimentos de alemão. O certificado é concebido pela Universidade de Munique e o estudante deve ter 18 anos completos.

Mais informações: www.goethe.de/br



FRANCÊS

DELF – Diplome d’Études em Langue Française

Concedido pelo Ministério da Educação da França, atesta nível de conhecimento (oral e escrito) necessário em situação de viagem, estudos e trabalho. Reconhecido por estabelecimentos de ensino e por empresas, é útil para estudos na França e trabalho em empresas francesas. Composto por dois níveis: Delf 1 e Delf 2.

Mais informações: http://www.aliancafrancesa.com.br/exames/exames_delf.htm



DALF – Diploma Approfondi de Langue Française

Concedido pelo Ministério de Educação da França, é o primeiro diploma de nível superior de francês para estrangeiros. Permite ingressar em curso superior na França ou nos países de língua francesa. Antes de fazer a prova, é necessário prestar um teste de admissão ou ter o DELF 2.

Mais informações: http://www.aliancafrancesa.com.br/exames/exames_delf.htm



ITALIANO


CELI – Certificato di Conoscenza della Lingua Italiana

CILS – Certificato di Italiano come Lingua Straniera

Os dois atestam a proficiência em italiano. O CELI é concedido pela Universidade para Estrangeiros de Perugia. O CILS, pela Universidade para Estrangeiros de Siena. Há seis níveis de conhecimento certificados pela CILS e cinco pelo CELI.

Mais informações: http://www.cvcl.it/ e http://www.unistrasi.it/pages/1.asp?cod=2681

Fonte: Universitario Ativo